Ciúme
Ultraje a Rigor

Letra

Eu quero levar
Uma vida moderninha
Deixar minha menininha
Sair sozinha
Não ser machista
E não bancar o possessivo
Ser mais seguro
E não ser tão impulsivo
Mas eu me mordo de ciúme
Mas eu me mordo de ciúme
Meu bem me deixa
Sempre muito à vontade
Ela me diz que é muito bom
Ter liberdade
E que não há mal nenhum
Em ter outra amizade
E que brigar por isso
É muita crueldade
Mas eu me mordo de ciúme
Mas eu me mordo de ciúme
Mas eu me mordo de ciúme
Mas eu me mordo de ciúme
Meu bem me deixa
Sempre muito à vontade
Ela me diz que é muito bom
Ter liberdade
E que não há mal nenhum
Em ter outra amizade
E que brigar por isso
É muita crueldade
Hiê! Hiê! Hiê!

Vídeo

Porque a letra é problemática:

Um hit do rock brasileiro, conta os "sofrimentos" por parte de um homem ciumento - sendo que, as vítimas sempre sofrem muito mais. As pessoas ainda acham que devem "permitir" as saídas das mulheres sem a sua companhia, e que fazer isso é "moderno". Galera, a gente tá muito atrasado.