Bruto, Rústico e Sistemático
João Carreiro e Capataz

Letra

Tudo que dá na TV minha muié qué fazê
Não mede as consequências
Fez um tar de topless
Quando vi me deu um stress
Perdi minha paciência
Por mim faltaram respeito
Na muié eu dei um jeito
Corretivo do meu modo
No quarto deixei trancada
Quinze dias aprisionada
E com ela não incomodo

Aqui não
Posso até não ser simpático
Comigo não tem desculpa
Minha criação é xucra
A verdade ninguém furta
Sou bruto, rústico e sistemático

Fim de semana passada
Conheci o namorado da minha filha caçula
Achei que não reparei
Tava de brinco na orelha
E o corpo cheio de figura
Não suportei muito tempo
Nesse relacionamento eu tive que opinar
Sujeitinho era roqueiro
Não dá certo com violeiro
Nós num ia combinar

Aqui não
Posso até não ser simpático
Comigo não tem desculpa
Minha criação é xucra
A verdade ninguém furta
Sou bruto, rústico e sistemático

Sistema que fui criado
Ver dois homem abraçado
Pra mim era confusão
Mulher com mulher beijando
Dois homens se acariciando
Meu Deus, que decepção
Mas nesse mundo moderno
Não tem errado e nem certo
Achar ruim é preconceito
Mas não fujo à minha essência
Pra mim isso é indecência
Ninguém vai mudar meu jeito

Aqui não
Posso até não ser simpático
Comigo não tem desculpa
Minha criação é xucra
A verdade ninguém furta
Sou bruto, rústico e sistemático

Vídeo

Porque a letra é problemática:

Parece que essa letra foi escrita em 1920, mas na verdade, esse ~incrível~ lançamento é de 2009 - PASMEM.
A música conta que, a mulher do tal do "bruto" resolveu fazer um topless e ele se sentiu desrespeitado com isso. Século 21 já e ainda tem gente que não entende que não tem direito a opinar no nosso corpo. Pois bem, o "bruto" ficou tão bravo que além de dar uma surra na "amada", a deixou aprisionada no quarto.
Nesse trecho já configuram (pelo menos) dois crimes: agressão física e cárcere privado.
Depois disso, o "bruto" não satisfeito em atentar contra a vida da "amada" ainda quer controlar o relacionamento da filha caçula. "Bruto" ainda fecha com chave de ouro dando um show de homofobia.
Sério, galera? No final das contas, podem chamar o "bruto" de "criminoso", porque é exatamente isso que ele é.